Últimas

29/08/2021

Sérgio Conceição explica o 'ocaso' de Corona e Sérgio Oliveira

A reação do treinador do FC Porto ao triunfo sobre o Arouca, por 3-0, em declarações à Sport TV.

Fomos muito seguros na Madeira, permitimos ao adversário fazer um remate que deu em golo. Hoje, apresentámos o mesmo onze. Temos dado continuidade ao que fizemos na pré-época. Fizemos a nossa obrigação, que era vencer frente a uma boa equipa. Foi um bom jogo. Parabéns aos jogadores, aos que jogaram e aos que entraram no decorrer do encontro. São todos importantes. Estamos a terminar um período que é crucial para todos. Esperemos que termine o mais rápido possível.

Marcano na esquerda: Na Madeira, também chegou à frente, é dos jogadores mais resistentes do plantel. Não podemos esquecer quem é que joga na equipa e que permite algumas nuances do jogo. Tem tudo a ver com o trabalho semanal. Tem a ver também com a qualidade e com a bola 'limpa' pela qualidade do seu pé esquerdo. O Marcano tem estado bem.

Otávio jogou apesar de estar em dúvida: É verdade que faltou a alguns treinos, mas isso, neste momento, não é um problema. Fisicamente, não perdia absolutamente nada. Bastava que se sentisse bem. O exame que fez não mostrou alguma lesão que se pudesse agravar. Era questão de suportar um bocadinho a dor. É um jogador importante na nossa dinâmica

Corona não foi convocado e Sérgio Oliveira ficou no banco: Com Corona, é fácil. As minhas decisões têm como base os treinos e aquilo que os jogadores dão. Optei por outros jogadores, não tem nada a ver com outra situação de mercado. Neste momento, o Vitinha está melhor que o Sérgio, e foi por isso que entrou. O Sérgio trabalha comigo há cinco anos. É alguém de quem eu gosto muito, tal como o Corona


 

Post Top Ad

Blossom Themes