Últimas

31/08/2021

Irlanda não vai "limitar-se" à defesa perante Portugal "muito forte"

O selecionador Stephen Kenny disse hoje que a República da Irlanda não pode limitar-se a defender no jogo de quarta-feira perante Portugal, no Estádio Algarve, a contar para o grupo A de qualificação para o Mundial2022 de futebol.


"Não podemos limitar-nos a defender durante os 90 minutos, não é assim que trabalhamos, nem são essas as nossas intenções. Temos de atacar. Portugal tem demasiada qualidade e não vai ficar parado durante 90 minutos. Acredito na nossa capacidade ofensiva", disse o técnico, na conferência de imprensa de antevisão da partida.

Admitindo que Portugal "vai forçar" a sua equipa a defender em "vários momentos" do jogo, Kenny espera que os seus jogadores se mostrem no ataque.

"Temos de defender como um bloco e mostrar qualidade no setor defensivo. Mas não podemos só defender, temos de atacar bem e estar bem na gestão da posse de bola", apontou.

Além de Cristiano Ronaldo, o selecionador da República da Irlanda nomeou Diogo Jota, "autor de golos importantes nesta qualificação", Bruno Fernandes e Bernardo Silva como outros jogadores em foco.

"Os quatro jogadores mais ofensivos e também os laterais, que procuram muito o ataque, são todos igualmente perigosos, para ser honesto", acrescentou Stephen Kenny.

O responsável da República da Irlanda, que ainda não pontuou no grupo A em dois jogos, somando derrotas com a Sérvia (3-2) e o Luxemburgo (1-0), recordou os recentes jogos de Portugal no Euro2020, eliminado nos oitavos de final pela Bélgica (1-0).

"Vimos Portugal no Euro, especialmente nos jogos espetaculares contra Alemanha e França. Creio que foram infelizes em perder o jogo com a Bélgica, pois jogaram muito bem na segunda metade. É uma equipa muito forte, independentemente do que aconteceu no Euro. Estudámos bem a seleção portuguesa, mas queremos focar-nos em nós e conseguir um bom desempenho", frisou.

O 'capitão' irlandês Seamus Coleman, que alinha nos ingleses do Everton, vai estrear-se a jogar contra Cristiano Ronaldo e garantiu que o objetivo não passa por estragar a festa do português, que pode se tornar o melhor marcador mundial nas seleções, ultrapassando a marca de 109 golos que partilha com o iraniano Ali Daei.

"Não é um caso de arruinar qualquer festa. Temos de nos focar em nós próprios. Todos sabem quão espetacular o Cristiano Ronaldo tem sido nos últimos 15 anos, os números que ele tem, mas temos de nos focar no nosso plano para bloquear a seleção portuguesa", afirmou.

O jogo entre Portugal e a República da Irlanda está marcado para quarta-feira, a partir das 19:45, no Estádio Algarve, e será dirigido pelo esloveno Matej Jug, enquanto o italiano Paolo Valeri estará no videoárbitro (VAR).

A fase de grupos da qualificação europeia para o Mundial2022 termina em novembro e o vencedor de cada um dos 10 grupos apura-se diretamente para a fase final. Os segundos classificados vão disputar os 'play-offs' de apuramento, aos quais se juntarão dois vencedores de grupos da Liga das Nações que não consigam qualificar-se diretamente para a fase final ou para os 'play-offs'.

 

Post Top Ad

Blossom Themes