Últimas

29/08/2021

Cavaleira Ana Mota Veiga foi 14.ª na prova individual de dressage

A portuguesa Ana Mota Veiga e o cavalo Convicto LV terminaram hoje na 14.ª posição a prova individual de dressage grau I, dos Jogos Paralímpicos Tóquio2020, que contou com 18 participantes.


Ana Mota Veiga totalizou 65.500 pontos, numa prova vencida pela norte-americana Roxanne Trunnell (81.464), que repartiu o pódio com o letão Rihards Snikus (80.179), e com a italiana Sara Morganti (76.964), medalhas de prata e bronze, respectivamente.

O 14.º lugar conseguido por Ana Mota Veiga não lhe permite marcar presença na competição individual de freestyle grau I (prova livre com música), agendada para segunda-feira e reservada aos oito melhores da prova de hoje.

Ana Mota Veiga considerou que a prova, disputada no Parque Equestre de Tóquio, "correu bem", mas lembrou que a parte final do ciclo de preparação foi "conturbada e feita com muita incerteza" devido à pandemia de covid-19.

"A preparação foi difícil, porque tem de se gerir cavaleiro e cavalo. Gerir o cavalo, aqui em Tóquio, não foi 'canja', O primeiro impacto foi difícil para os dois, mas depois a situação foi melhorando", disse a cavaleira, do Centro Hípico Costa da Beloura.

 

Post Top Ad

Blossom Themes