Últimas

21/08/2021

Benfica sofre, mas vence em Barcelos

Lucas Veríssimo e Grimaldo assinaram os golos que apenas apareceram após os 80 minutos. Segue-se o PSV na próxima terça-feira.


O Benfica sofreu mas venceu, este sábado, o Gil Vicente (2-0), em jogo da 3.ª jornada da I Liga. As águias visitaram Barcelos em pleno intervalo da eliminatória europeia com o PSV, apresentaram um onze de recurso, mas Jorge Jesus teve de lançar os 'pesos pesados' para arrancar uma vitória.   

Os golos só apareceram depois dos 80 minutos e depois de muitas oportunidades desperdiçadas. Lucas Veríssimo desfez o nulo aos 84' e Grimaldo, com uma bomba, colocou um ponto final nas dúvidas aos 89'. 

O Benfica soma, assim, três vitórias em outros tantos jogos do campeonato, assume a liderança provisória e visita o PSV já na terça-feira, em jogo da 2.ª mão do playoff de acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões. 

Jogo :

A primeira parte em Barcelos foi intensa, mas nem sempre bem jogada. O Gil Vicente mostrou vontade de jogar olhos nos olhos com o Benfica que, diga-se, apareceu uns furos abaixo face ao nível exibicional evidenciado nos jogos anteriores. 

Com seis mexidas no onze, por conta do duelo com o PSV já na terça-feira, as águias perderam poder de fogo, capacidade e critério na hora de construir as jogadas. Meité e Taarabt ficaram encarregues do meio-campo, mas tanto o francês como o marroquino perderam várias bolas em zonas proibidas. 

Ainda assim, Taarabt até esteve em destaque no plano ofensivo. Primeiro acertou no poste e pouco depois obrigou Kritciuk a uma defesa vistosa. Antes disso, Gilberto chegou a balançar as redes do Gil Vicente, mas o lance foi invalidado por fora de jogo de Everton. 

A melhor ocasião de golo, nos primeiros 45 minutos, pertenceu a Yaremchuk. O avançado ucraniano recebeu um passe magistral de Everton, mas na hora de marcar atirou para... a bancada. O empate ao intervalo acabava por ser um resultado ajustado. 

Na segunda parte, o Benfica colocou o pé no acelerador e Jorge Jesus mexeu categoricamente na equipa, esquecendo as poupanças. Pizzi, André Almeida e João Mário foram a jogo, tal como Grimaldo e Darwin Núñez. 

No entanto, o relógio não parava e o Benfica continuava a revelar muitas dificuldades em meter a bola dentro da baliza do Gil Vicente. Yaremchuk até balançou as redes, mas, mais uma vez, o lance foi anulado por fora de jogo. 

Apenas aos 84 minutos as águias conseguiram chegar à vantagem. Lucas Veríssimo enganou Kritciuk, assinou o primeiro golo da tarde em Barcelos e Grimaldo, cinco minutos depois, selou o triunfo com chave de ouro, através de um belo pontapé. 

O Benfica soma nova pontos em nove possíveis, assume a liderança provisória e tem um importante embate com o PSV, no qual está em causa a presença na Liga dos Campeões, agendado para terça-feira. 

Momento do jogo: Depois de tantas defesas, Kritciuk não conseguiu evitar que Lucas Veríssimo colocasse alguma justiça no marcador.

 

 

Post Top Ad

Blossom Themes