Últimas

15/07/2021

Pandemia altera protocolo de entrega das medalhas: serão dadas numa bandeja aos atletas

Thomas Bach, presidente do Comité Olímpico Internacional, explicou procedimento


 Os Jogos Olímpicos Tóquio'2020 serão realizados numa altura em que a pandemia da Covid-19 ainda está bem presente por todo o Mundo, motivo pelo qual uma curiosa medida anti-Covid vai entrar em vigor na competição: serão os próprios atletas que vencerem medalhas que vão colocá-las ao pescoço (se assim o entenderem).

Uma regra que Thomas Bach, presidente do Comité Olímpico Internacional (COI), explicou esta quarta-feira. "As medalhas não serão entregues no pescoço. Serão entregues ao atleta numa bandeja e depois será o próprio a colocá-la ao pescoço. Será garantido que quem colocar a medalha na bandeja o faça apenas com luvas para que o atleta tenha a certeza de que ninguém lhe tocou antes", assegurou, em declarações prestadas após a reunião com o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga.

"Faltam nove dias para a Cerimónia de Abertura dos Jogos Olímpicos Tóquio'2020. Atletas de todo o mundo estão a chegar agora a Tóquio. Os Jogos vão unir o mundo em toda a nossa diversidade e mostrar que juntos somos mais fortes com toda a nossa solidariedade", vincou, antes de deixar um agradecimento ao Governo e ao povo daquele país asiático.

"Gostaria de expressar o meu sincero respeito e gratidão ao Governo e ao povo do Japão por nos receber. O Comité Organizador de Tóquio 2020 fez um trabalho fantástico de preparação para estes Jogos e fez de Tóquio a cidade olímpica mais bem preparada de sempre", finalizou Bach.


 

 

Post Top Ad

Blossom Themes