Últimas

23/05/2021

Rali de Portugal: Quebra da suspensão traseira dita desistência de Tanäk


 

O estónio Ott Tanäk (Hyundai i20) desistiu hoje do Rali de Portugal, quarta prova do Mundial, quando liderava a classificação geral, devido à quebra da suspensão traseira direita.

O campeão do mundo de 2019 ficou sem a roda traseira direita do seu i20 já durante a sexta especial do dia, na segunda passagem pelos quase 38 quilómetros de Amarante, e foi forçado a parar em plena especial.

Fonte oficial da equipa coreana avançou à agência Lusa que Tanäk "desistiu por hoje", com os responsáveis de logística a terem de "ir buscar o carro" a meio do troço.

Os mecânicos vão tentar reparar a avaria de forma a que Tanäk possa regressar à prova no domingo, ao abrigo do sistema de super-rali, para tentar pontuar ainda na 'power stage', a última especial da prova, que distribui 15 pontos pelos cinco mais rápidos.

Desta forma, o britânico Elfyn Evans (Toyota Yaris), que partiu para esta especial com um atraso de 22,4 segundos, herdou o comando da prova com uma vantagem de 16,4 segundos sobre o espanhol Dani Sordo (Hyundai i20).


 

Post Top Ad

Blossom Themes