Últimas

08/04/2021

"Sabíamos do poderio do Chelsea. Nós metemos os nossos meninos"


Fique com as declarações do treinador do FC Porto após a derrota frente ao Chelsea (0-2), na 1.ª mão dos quartos de final da Liga dos Campeões.

Análise: "Acho que foi um bom jogo da nossa parte, consistente. Fomos superiores, mas não fomos superiores no que importa o futebol, que é meter a bola dentro da baliza. No processo defensivo e ofensivo fomos muito consistentes. No minuto 32, no primeiro remate à baliza, onde demos a possibilidade do Chelsea de jogar à vontade no último terço, encontraram esse espaço. De resto não permitimos grandes coisas ao Chelsea. Não fizemos golos, o resultado é que conta. Estamos no intervalo da eliminatória, mas vamos acreditar. Sabemos do poderio do adversário, que meteu o Giroud, o Pulisic e o Thiago Silva. Nós metemos os nossos meninos, o Francisco, o Fábio, o Toni, tinha o João Mário e o Romário no banco. A qualidade individual fez a diferença."

Não mexeu mais cedo porquê?: "A equipa estava muito bem no jogo. E quando mexi sofremos o golo. Acho que a equipa estava por cima no jogo. Não senti necessidade de mexer. Se não for para acrescentar algo à equipa, não vale a pena mexer."

Mais remates do que o Chelsea dá motivação?: "Não dá motivação nenhuma. A nossa motivação é querer mudar o rumo desta situação. Estamos em desvantagem por 0-2 e temos 90 minutos para dar a volta. Somos uns privilegiados por estar cá e vamos dar tudo."

 

 

Post Top Ad

Blossom Themes