Últimas

28/04/2021

J. Marques taxativo: "Foi a pior arbitragem desde que há VAR em Portugal"

Dirigente do FC Porto aponta o dedo a Hugo Miguel.

Francisco J. Marques, diretor de comunicação e informação do FC Porto, voltou, esta terça-feira, a apontar o dedo a arbitragem de Hugo Miguel no jogo frente ao Moreirense (1-1). O dirigente portista considera que foi mesmo o pior desempenho da arbitragem em Portugal desde que o VAR foi introduzido. Francisco J. Marques acredita mesmo que ficaram três grandes penalidades por assinalar a favor do FC Porto. 

"O presidente parece que adivinhava que estávamos na iminência de uma das mais vergonhosas arbitragens dos últimos tempos. Quão danosa foi aquela arbitragem, não teve pés nem cabeça. Há coisas que têm de ser explicadas, não podem ser varridas para debaixo do tapete e o FC Porto levar com as consequências que são gravíssimas. O Francisco Conceição é completamente abalroado por um jogador que não tem qualquer intenção de jogar a bola. O árbitro não fez nada e o VAR, pior ainda, não marcou porque não quis", começou por dizer Francisco J. Marques, no programa 'Universo Porto' emitido pelo Porto Canal, prosseguindo com mais críticas. 

"Tem que ter consequências. Quem influencia uma competição profissional que movimenta muitos milhões tem de sofrer consequências, não pode ser decidida pelos humores dos senhores árbitros que não são competentes para a profissão. É o pior desempenho desde que existe VAR. Foi a pior arbitragem desde que em Portugal há VAR. Lance do Francisco Conceição é um verdadeiro escândalo. Eu teria vergonha", criticou o diretor de comunicação do FC Porto.

 

Post Top Ad

Blossom Themes